PROCURANDO POR ALGO?

sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

Aproveite a folia sem extrapolar o orçamento

O litoral é a escolha de muita gente para o feriado.
É preciso estar atento aos gastos com hospedagem,
 transporte e alimentação ( Foto: Nah Jereissati )
POR BLOG DA CLÁUDIA SANTOSFevereiro chegou e os preparativos para o Carnaval estão na reta final. A maioria dos foliões costuma sair da Capital cearense em direção ao litoral, o que significa gastos com hospedagem, transporte e alimentação fora de casa. O segredo para economizar e não ter dor de cabeça com os serviços contratados é o planejamento e a atenção.

O período momino coincide com a época de contas extras do início do ano e o primeiro passo para que os gastos não pesem demais no bolso é a avaliação do orçamento disponível para os dias de festa, orienta Ricardo Teixeira, coordenador do MBA em Gestão Financeira da Fundação Getúlio Vargas (FGV). O professor sugere que os brincantes pesquisem o quanto antes o valor da passagem e da hospedagem em sites de busca. "Use pontos do cartão de crédito para a compra das passagens. Lembre-se também que além de hotéis, a maioria dos destinos de férias oferece uma variedade de outras opções de hospedagem para explorar".

A diretora do Procon Fortaleza, Cláudia Santos, alerta para os cuidados necessários para garantir o cumprimento dos direitos do consumidor. "As empresas de transporte terrestre são obrigadas a emitir os bilhetes de passagens com o nome e o CPF do passageiro e se o ônibus demorar mais de uma hora para sair, a empresa deverá providenciar o embarque em veículo de outra companhia, sem prejuízo para o passageiro, ou terá que devolver o valor do bilhete", diz. Em caso de atrasos acima de três horas, a empresa tem que oferecer alimentação e hospedagem.

Deixar o feijão de molho funciona e faz bem para saúde, diz estudo

USP e Embrapa comprovaram o truque que todas as vovós já sabiam: é importante deixar o feijão de molho antes de cozinhar

Foto: Feijão/Divulgação
POR MINHA VIDA - Sua avó provavelmente já deve ter falado para você que é importante deixar o feijão de molho antes de ir para a panela. Essa prática era muito usada para eliminar substâncias do grão que poderiam causar gases. Bom, se você estava pensando em deixar para as gerações antigas esse hábito, talvez seja hora de repensar a decisão, pois esse truque foi comprovado cientificamente.

Um estudo feito pelo Centro de Pesquisa em Alimentos da Universidade de São Paulo e da Embrapa Arroz e Feijão descobriu que ao deixar o feijão de molho por um período entre 8 e 12 horas, é possível acelerar o processo de cozimento, pois os grãos já estarão hidratados, e também ocorre a eliminação de propriedades antinutricionais, que ficam dissolvidas na água. Por isso, é importante descartar a água que serviu para deixar de molho, ok?

Entre essas substâncias eliminadas, estão a rafinose e a estaquiose, tipos de oligossacarídeos que causam desconforto intestinal ao serem fermentados no intestino. Se ingeridas, o resultado são gases e flatulência. E não para por aí: reduzindo a quantidade de elementos antinutricionais, o organismo consegue assimilar mais facilmente alguns nutrientes, como proteínas e minerais.
Farinha de feijão branco: ajuda a emagrecer e controla o diabetes

Marinha abre 1 mil vagas para nível médio

Candidatos devem ter entre 18 e 22 anos
(Foto: Divulgação)
POR CORREIO 24 HORAS
A Marinha do Brasil abre inscrições nesta sexta-feira (2) as inscrições para o Concurso Público de Admissão às Escolas de Aprendizes-Marinheiros (CPAEAM/2018). São 1 mil vagas e o candidato, além de outros requisitos, deve ser brasileiro, do sexo masculino, possuir o Ensino Médio, ter 18 anos completos e menos de 22 no dia 1º de janeiro de 2019.
O valor da taxa de inscrição é de R$ 40. Os candidatos farão uma prova escrita objetiva e os classificados nesta primeira fase participarão ainda de etapas, com caráter eliminatório, como inspeção de saúde e teste de aptidão física. Aprovados em todas as fases do concurso, os candidatos realizarão a formação militar em uma das quatro Escolas de Aprendizes-Marinheiros, que ficam em Fortaleza (CE), Recife (PE), Vitória (ES) e Florianópolis (SC).
O curso de formação de Marinheiros tem a duração de 48 semanas, em regime de internato. Nesse período, os jovens recebem alimentação, alojamento, ajuda para aquisição de uniformes, assistência médico-odontológica e remuneração como grumete. Após o curso e promoção a Marinheiro, terá início o Estágio Inicial(EI), com duração de dois anos, em unidades da Marinha do Brasil.
Os Marinheiros aprovados no EI, plenamente adaptados à carreira naval, permanecerão no Serviço Ativo da Marinha (SAM). Outras informações sobre o concurso estão no edital publicado no site www.ingressonamarinha.mar.mil.br.
SERVIÇO:
Concurso Público de Nível Médio-Escolas de Aprendizes-Marinheiros
Inscrição: 01/02 a 02/03/18
Valor: R$ 40
Informações: www.ingressonamarinha.mar.mil.br ou (71) 3507-3825

Local de chacina em Fortaleza vai virar igreja evangélica

Culto inaugural deve acontecer já no próximo fim de semana
O Forró do Gago, em Cajazeiras, em Fortaleza, palco da maior chacina da história do Ceará, em que 14 pessoas foram mortas e outras 18 ficaram feridas no sábado, 27, vai virar uma igreja evangélica. O anúncio foi feito nesta quinta-feira, 1º, pelo proprietário da casa, José Clediano Girão Nobre, ao prestar depoimento sobre a matança, ao delegado do 13º Distrito Policial, Hélio Marques.

"Ele nos disse que pretende alugar o espaço na Rua Madre Tereza de Calcutá para uma igreja evangélica, pois não quer mais realizar festas lá, depois da chacina. Ele inclusive disse que o culto inaugural deve acontecer já no próximo fim de semana", informou o delegado.

No depoimento, Nobre declarou que promovia festas no Forró do Gago todas sextas-feiras, mas não sabia da presença de integrantes de facções nem de comemorações que faziam apologia ao crime. Segundo ele, seu público era variado.

Ao apreender os equipamentos de som do Forró do Gago, a polícia constatou que a casa atingia 150 decibéis durante as festas, quando o permitido para uma área residencial é de, no máximo, 75 decibéis. A perícia observou ainda que o local não tinha saída de emergência ampliada de conformidade com as determinações do Corpo de Bombeiros.

"É um espaço muito reduzido. Só tinha uma saída que parece um portão de uma garagem", disse o delegado.


FONTE: CORREIO 24 HORAS

Papa Francisco reconhece milagre atribuído a madre em São Paulo

O decreto deve ajudar no processo de beatificação da madre italiana
(Foto: AFP)

O papa Francisco reconheceu um milagre atribuído à intercessão da madre Clélia Merloni (1861-1930) na cura de um médico em Ribeirão Preto (SP), em 1951.
A notícia foi divulgada pelo site oficial de notícias do Vaticano após uma audiência do pontífice com o cardeal Angelo Amato, da Congregação das Causas dos Santos, no dia 26 de janeiro.
O decreto deve ajudar no processo de beatificação da madre italiana, fundadora do Instituto das Apóstolas do Sagrado Coração de Jesus, com representações no Brasil. A causa foi aberta pela Santa Sé em 1988. A expectativa é que o processo seja concluído ainda este ano.
Segundo informações do Vatican News, a intercessão da madre ajudou na cura do médico Pedro Ângelo de Oliveira Filho, que sofria da síndrome de Landry-Guillain-Barré, doença que paralisa os músculos do corpo. Depois de um diagnóstico sem esperanças em relação ao paciente, em uma época com menos recursos médicos, em 20 de março de 1951, a irmã Adelinha Alvez Barbosa, de Ribeirão Preto, ofereceu orações, sob a intercessão da madre.
Além disso, colocou na água ingerida pelo médico o fio de um tecido, material que teria sido extraído de um hábito usado pela madre italiana. Segundo os relatos, assim que bebeu a água, com dificuldade, o paciente começou aos poucos a se recuperar. Nos dias seguintes, o médico voltou a andar, sem nenhuma sequela. Morreu 35 anos depois, de parada cardíaca.

Adotado por famosos, o jejum intermitente faz bem?

Técnica varia entre horas sem comer e janela de alimentação
(Ilustração: Morgana Miranda/CORREIO)
Já pensou ficar horas e horas sem comer? Chegando a passar quase que um dia inteiro sem ingerir um petisco sequer? Pois essa é a proposta do jejum intermitente. A ideia ganhou força em 2012, quando o jornalista britânico Michael Mosley lançou o documentário Eat, Fast & Live Longer (“Coma, jejue e viva mais”, em inglês). A dieta ganhou fama quando famosas como Beyoncé, Deborah Secco, Sabrina Sato e Juliana Paes admitiram já ter experimentado.

Funciona assim: há o período do jejum e a janela de alimentação. Durante o primeiro momento, não é permitido comer nada, mas pode beber água, café e chá  (sem açúcar ou adoçante). O jejum deve durar mais de 12 horas, sendo os mais comuns de 14  e 16 horas - incluindo o sono. Há também quem se alimente só uma vez por dia - jejum de 23 horas. Podem funcionar diariamente ou em dias alternados.
“Na janela de alimentação, deve-se dar preferência a proteínas com pouca gordura, legumes, verduras, tubérculos e frutas com casca, evitando produtos industrializados e refinados, como pão e macarrão”, explica a nutricionista Alice Alagia. A quantidade de refeições durante a janela não é restrita, mas a ideia é que só se coma quando realmente estiver com fome.
O estudante de Medicina William Araújo é um dos adeptos. “Agora, estou  no jejum de 14 horas. Faço minha última refeição às 19h e só volto a comer às 9h. No meu caso, é obrigatório me alimentar de manhã.  Opto por ovos, frutas como ameixa e morango, e até bacon. Depois, só me alimento com fome, fazendo cerca de três ou quatro refeições ao longo do dia”, diz.
Cuidado!

STF derruba liminar que impedia privatização da Eletrobras

Moraes atendeu a uma reclamação feita pela Câmara dos Deputados do dia 15 de janeiro
POR CORREIO 24 HORAS O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), cassou, nesta sexta-feira, 2, a decisão de um juiz federal de Pernambuco que suspendia os efeitos da MP 814/2017, que permite a privatização da Eletrobras e subsidiárias. Moraes atendeu a uma reclamação feita pela Câmara dos Deputados, apresentada em 15 de janeiro. 

A Câmara dos Deputados e a Advocacia-Geral da União (AGU) recorreram ao STF para derrubar a decisão que cortava os efeitos da MP, enviada em dezembro do ano passado. No início do ano, o juiz Claudio Kitner, da Justiça Federal de Pernambuco, suspendeu liminarmente os efeitos da medida provisória, em resposta a uma ação popular ajuizada por Antônio Ricardo Accioly Campos, irmão do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, morto em 2014. Na decisão, o juiz afirmou que o governo federal não justificou o porquê de aprovar a questão por meio de MP. 
"Julgo procedente o pedido, determinando a cassação da decisão liminar proferida na Ação Popular 0800056.23.2018.4.05.8300, bem como sua extinção; restabelecendo, por consequência, a plena eficácia do art. 3º, I, da Medida Provisória 814/2017. Oficie-se, com urgência, a autoridade reclamada e a Presidência da Câmara dos Deputados. Publique-se. Int.", determinou Moraes, em decisão divulgada nesta sexta-feira.
Na reclamação, a Câmara dos Deputados destacou que a MP não significa a direta desestatização de qualquer empresa pública. "A sua vigência por si só não produz qualquer efeito concreto e imediato, tampouco configura a decisão política de alienar qualquer empresa estatal", afirmou.
Na última quinta-feira, 1, a ministra-chefe da Advocacia-Geral da União (AGU), Grace Mendonça, se encontrou com Moraes no STF para tratar do tema.
A Câmara e a AGU recorriam aos mesmos argumentos. Segundo a reclamação da AGU, a decisão do juiz, de 1º instância, usurpou a competência do Supremo, "consistente no exercício do controle abstrato de constitucionalidade de ato normativo federal", referindo-se à derrubada dos efeitos da MP. De acordo com a AGU, a medida provisória só poderia ser questionada no STF por meio de Ação Direta de Inconstitucionalidade.
"Percebe-se que o único propósito da decisão proferida pelo juízo reclamado foi retirar a eficácia de dispositivo normativo de forma abstrata, o que revela que a ação popular foi utilizada como verdadeiro sucedâneo de ação direta de inconstitucionalidade", completou Grace, que assinou a reclamação em que pedia que a Corte derrubasse a decisão e arquivasse a ação popular que deu a sua origem. 

14 filmes que retratam o valor da pedagogia e da educação

POR CANAL DO ENSINO
Postado por: Giulianna Gaspareto
Olá, leitor!
Educação é a base de tudo. Tudo o que somos ou ainda vamos nos tornar depende da forma como fomos ou estamos sendo educados. Educar é transformar, e educadores têm nas mãos, o poder da mudança positiva e podem fazer a diferença na vida de uma pessoa pelo simples ato de guiar.
Educar não está apenas no repasse de conteúdo. Está na maneira como uma pessoa consegue conduzir outra pelo melhor caminho, de maneira que promova uma transformação em sua vida.
Pensando em levantar a discussão do papel e valor da pedagogia e educação em nosso desenvolvimento, nós, do Canal do Ensino, criamos uma lista com 14 filmes que retratam como esse assunto é fundamental para nosso crescimento pessoal e profissional.
A melhor forma de absorvemos um conteúdo, é estudando ele de maneira didática e interativa. Por isso, nada melhor para ficar por dentro de um tema do que assistindo vídeos e filmes a respeito dele. Com longas nacionais; internacionais; independentes; renomados: baseados em fatos reais e ficção, assista, discuta e repense como você vê o poder de transformação da pedagogia em nossas vidas.
Lista de filmes

Como Plantar Gengibre em Casa?

O gengibre desempenha em nosso organismo a função de antioxidante, antifúngico, bactericida e anti-inflamatório, além de prevenir doenças do nosso organismo. Devido às suas propriedades terapêuticas, o gengibre ajuda no emagrecimento e no tratamento de doenças respiratórias. Para usufruir de tantos benefícios, que tal plantá-lo em casa? Veja as dicas para cultivar e colher o rizoma facilmente, até mesmo em vasos. 

Aprenda a cultivar o gengibre em sua horta caseira
POR RECEITA NATURAL - O gengibre, conhecido cientificamente como Zinzer officinalis é uma das plantas medicinais mais conhecidas e apreciadas em todo o mundo.
No Brasil, ainda não é um hábito se utilizar o rizoma na culinária, mas ele é bem comum no preparo de chás e outras receitas terapêuticas. Por conter uma substância chamada gingerol, o gengibre desempenha em nosso organismo a função de antioxidante, antifúngico, bactericida e anti-inflamatório. Por isso, o consumo da raiz é muito bom para fortalecer as defesas do organismo e prevenir doenças.

Outro benefícios que vem ganhando destaque é o emagrecedor. O gengibre é um termogênico natural, que eleva a temperatura do organismo durante a digestão, acelerando o metabolismo. Estima-se que podemos queimar até 10% a mais de calorias fazendo uso do gengibre diariamente. Além disso, o gengibre também atua no combate a azia e gases intestinais, prevenindo o mal estar provocado pelo desconforto das flatulências, ajudando a relaxar o sistema gastro intestinal e prevenindo contra náuseas e vômitos.
O gengibre também protege o estômago contra úlceras e previne o organismo contra o câncer de cólon retal. Com tantos benefícios, é sempre bom ter um pouco de gengibre em casa. Melhor ainda, se a planta for cultivada sem agrotóxicos e de maneira caseira. Apesar de não ser muito comum nas hortas, o gengibre é muito fácil de ser plantado, até mesmo em vasos.

Como Plantar o Gengibre?
Para plantar o gengibre você vai precisar apenas comprar um pedaço do rizoma que esteja brotando. Os brotos são arrendondados e tem a coloração esverdeada, o que facilita a identificação. A dica, se você quer plantar, é dar preferência para os gengibres já brotados no momento da compra.
Para entender melhor, observe o vídeo:

Melão-de-são-caetano trata diabetes e pode curar o câncer

Melão-de-São-Caetano Pode Curar o Câncer e Tratar o Diabetes

TUDO POR EMAIL
A ciência tem se aproximado cada vez mais da natureza em busca de remédios naturais para diversas doenças, inclusive as crônicas, já que muitos tratamentos médicos podem deixar o paciente com a saúde ainda mais frágil. Um estudo realizado recentemente na Universidade do Colorado (Estados Unidos) conseguiu resultados surpreendentes ao utilizar uma planta que no Brasil é popularmente conhecida como melãozinho ou melão-de-são-caetano. Ela inibe os processos cancerosos no corpo e, ao mesmo tempo, controla os níveis de açúcar no sangue de diabéticos. Essas qualidades especiais do melão-de-são-caetano podem salvar a vida de milhões de pessoas que têm câncer ou diabetes – ou pelo menos melhorar a qualidade de vida.

Os tratamentos atuais são em sua maioria bastante agressivos, e por isso muitos pacientes hesitam em iniciá-los. A erradicação da diabetes também é difícil, com um controle rigoroso de alimentação e, em casos mais extremos, é até mesmo preciso injetar insulina. Por isso, esse estudo surge como uma luz no fim do túnel para tais enfermidades. A seguir, você verá por que essa planta faz tão bem, e por que tem até sido considerada ‘milagrosa’.


O que é o melão-de-são-caetano?

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK