PROCURANDO POR ALGO?

segunda-feira, 17 de abril de 2017

Cresce número de pessoas que dirigem após consumir álcool

© Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

Ministro da Saúde chamou a atenção para a expansão do problema entre mulheres

Depois de um breve período de queda, a associação entre álcool e direção voltou a aumentar no País. Pesquisa feita por telefone pelo Ministério da Saúde em capitais brasileiras mostra que 12,9% dos homens e 2,5% das mulheres admitem dirigir depois de consumir bebidas alcoólicas. Em 2013, um ano depois da criação da Lei Seca, os índices entre o público masculino haviam caído para 9,4% e das mulheres, para 1,6%.

"É preciso verificar se a tendência de aumento se confirma. Mas talvez o número possa indicar a necessidade de maior monitoramento da lei", afirmou a coordenadora geral de alimentação e nutrição Michele Lessa.
O ministro da Saúde, Ricardo Barros, observou que o brasileiro está bebendo mais. Um estudo do sistema de vigilância do ministério, Vigitel, revela que, ano passado, duas em cada 10 pessoas entrevistadas admitiram a ingestão excessiva de bebida alcoólica.
Para mulheres, isso significa o consumo de quatro doses ou mais de bebidas por vez. No caso de homens, o excesso é caracterizado pelo consumo de 5 doses ou mais. Em 2006, o consumo excessivo era indicado por 15,7% dos entrevistados.
O aumento ocorre em ambos os sexos. O ministro da Saúde, Ricardo Barros, no entanto, chamou a atenção para a expansão do problema entre mulheres. Em 2006, 7,8% referiam consumo abusivo de bebida alcoólica. Esse porcentual agora é de 12,1%. "É um aumento de 50%. Não é desprezível. Mostra que as mulheres estão mais na cervejinha", disse Barros. Entre o público masculino, o consumo abusivo passou de 25% para 27,3%.
Barros afirmou ser necessário reforçar as campanhas de prevenção contra o que ele define como "vícios tolerados pela sociedade." "A gente precisa insistir nisso. A campanha contra o tabagismo foi muito eficiente ao longo do tempo, se reduziu muito o número de fumantes. A de álcool não", comparou.
FONTE

Unha do pé escura? Conheça as causas e saiba quando ir ao médico



Ficar com a unha do dedão do pé completamente preta pode ser o sinal mais claro de uma contusão… contudo, por vezes o melhor é mesmo ir ao médico

Uma das piores sensações do mundo é aquela que acontece quando batemos com um dos dedos dos pés num móvel ou em algum objeto mais duro. Até podemos nem ver estrelas, mas um hematoma é quase certo.

A unha do pé escura é uma das consequências mais comuns deste tipo de contusão, mas não é, de todo, a única causa para deixar a unha completamente preta. Como explica a Prevention, os traumas recorrentes (muitas vezes associados à corrida e ao impacto que os tênis e as meias têm na unha) são também uma possível causa para este fenômeno que, apesar de ser visualmente doloroso, nem sempre vem acompanhado de dor.
Deixar cair um objeto pesado no pé também pode levar ao aparecimento de uma unha negra, assim como uma infecção por fungos, sendo, aqui, importante um diagnóstico médico. Embora muitas pessoas associem as manchas brancas nas unhas dos pés a uma possível micose, a verdade é que este e outros tipos de infecções por fungos causam um certo ‘arco-íris’ na unha tal como acontece com os hematomas que são espelhados na pele: primeiro amarelo, depois azulado, depois verde, depois em tons de castanho, segue-se o roxo até que a ‘mancha’ fique negra.
Diz a publicação que o câncer da pele pode também ser revelado com uma unha do pé escura, sendo, por isso, importante visitar um médico quando este sintoma surgir (especialmente se existir a certeza de que não se usou um calçado muito apertado ou não houve qualquer embate).
Menos comum, mas igualmente possível está a unha do pé escura causada pelo tom da pele que, por vezes, tira a coloração natural da unha, deixando-a mais escurecida.

Como higienizar frutas e verduras?



A boa notícia é que a higienização correta de frutas, legumes e verduras pode eliminar a maior parte dos agrotóxicos

Você já está cansado de saber: para levar um estilo de vida saudável, é preciso ingerir frutas, verduras e legumes frescos diariamente. Porém, quem não consome orgânicos deve tomar cuidado redobrado, pois está sujeito a ingerir alimentos com pesticidas e agrotóxicos.

A boa notícia é que a higienização correta de frutas, legumes e verduras pode eliminar a maior parte desses produtos e, desta maneira, proteger a saúde de quem consome os alimentos contaminados. Confira as dicas do médico e fisioterapeuta Juliano Pimentel:
1. Alimentos com casca devem passar por água antes de serem consumidos, mesmo que você retire a casca.
2. Lave as mãos com água e sabão por, pelo menos, 20 segundos.
3. Corte todas as áreas danificadas dos alimentos, pois eles podem facilitar a entrada de químicos nas frutas e verduras.
4. Limpe previamente o balcão, tábua de corte e utensílios com água e sabão e, em seguida, lave novamente.
5. Enxágue com água fria e potável.
Passo a passo:
1. Encha uma vasilha com água fria potável ou destilada com 1 a 2 colheres de chá de sal e mergulhe as frutas por cinco minutos.
2. Para folhas verdes, o ideal é separar as folhas, mergulhá-las e depois escorra-as em coador. Repita o processo e, depois, seque com papel toalha.
3. Você pode usar também uma solução de 2 xícaras de água e 1/2 xícara de vinagre para embeber os alimentos, contudo, esta solução pode afetar o sabor.
4. Escorra e seque. 
FONTE

6 passos para escolher a carne certa no mercado

© iStock

Confira truques rápidos para acertar na escolha da carne e levar para casa um alimento fresco e com garantia de origem

A carne bovina é um item sempre presente na lista de compras e na mesa dos brasileiros. Apesar disso, muitos ainda têm dúvidas na hora de escolher a carne no supermercado ou açougue. Como escolher a peça mais fresca? A carne vermelhinha é a melhor? Como saber se a carne foi aprovada pelo Ministério da Agricultura?

Para acabar com qualquer dúvida, o chef e pesquisador Guga Rocha, embaixador da Academia da Carne Friboi, ensina alguns truques rápidos para acertar na escolha da carne e levar para casa um alimento fresco e com garantia de origem.
6 passos para identificar o produto adequado para o consumo:
1. Etiqueta interna
O primeiro passo para escolher uma carne de qualidade é checar as informações da etiqueta interna do produto. Nessa etiqueta você encontra as datas de produção e validade, a temperatura em que o produto deve ser mantido (resfriado ou congelado), endereço da fábrica em que foi produzido e o selo do SIF (serviço de inspeção federal).
2. Selo SIF
O Selo SIF – Serviço de Inspeção Federal – assegura que o produto foi inspecionado pelos fiscais e agentes do Ministério da Agricultura e está apto para consumo. Por isso é sempre imprescindível que a carne tenha essa identificação na etiqueta interna. Caso o produto tenha sido manipulado pelo açougueiro, peça para que ele mostre a etiqueta do produto que foi porcionado ou manipulado.
3. Embalagem a vácuo
Dê preferência aos cortes embalados a vácuo. Assim você tem a certeza de que o produto traz a garantia, a segurança e a qualidade do fabricante. Além disso, a embalagem a vácuo ainda ajuda a manter o frescor da carne, já que todo o ar é retirado logo após a produção, evitando assim a oxidação da peça. Ao abrir a embalagem, as carnes normalmente apresentam um odor mais forte, que se dá pela ausência de oxigênio na embalagem, mas isso não significa que a carne está estragada! Em poucos minutos, o cheiro desaparece e a coloração volta ao normal.
4. Carnes resfriadas
Dê preferência às carnes resfriadas, comercializadas in natura. Essas peças não têm a adição de qualquer produto químico ou conservante.
5. Coloração da carne
A cor da carne é um item importante para definir se o produto está bom para consumo, mas não é o único. Uma cor vermelhinha não deve ser o único fato observado na hora da compra, até porque os cortes embalados a vácuo ficam um pouco mais escuros pela falta de ar da embalagem, mas, assim que abertos, retomam a cor normal. Para escolher a carne ideal, associe essas informações com os dados de data de produção, data de validade e aspecto sensorial como o odor.
6. Temperatura da gôndola
Os supermercados e açougues são imprescindíveis para o processo de qualidade da carne para o consumidor. A fim de garantir um alimento adequado para consumo, é importante e necessário que a temperatura da gôndola esteja adequada. Para saber se a carne está armazenada de forma correta, basta verificar a temperatura indicada pelo fabricante na etiqueta interna e a do termostato da gôndola.

Mulher faz a coisa mais inteligente para ajudar cão que ficava pulando para espiá-la do outro lado da cerca

Por Gadoo - Uma mulher teve uma ideia genial para ajudar o cãozinho vizinho a espiar o seu quintal.
A californiana Jennifer Bowman percebeu a curiosidade do animalzinho, que ficava pulando para olhar por cima da cerca diariamente.
Ela, então, deu um jeitinho super criativo para ajudar o amiguinho.
Quer saber só o que ela fez?
Então, confira abaixo:
Mulher faz a coisa mais inteligente para ajudar cão que ficava pulando para espiá-la do outro lado da cerca
Mulher teve ideia genial para ajudar cãozinho a espiar sua casa. Cachorrinho já não precisa pular a cerca para ver do outro lado.
Fonte: Bored Panda

Mais da metade dos brasileiros está com peso acima do recomendado, diz Vigitel

Estudo divulgado nesta segunda (17) pelo Ministério da Saúde revela que o excesso de peso no Brasil cresceu 26,3% nos últimos dez anos, passando de 42,6% em 2006 para 53,8% em 2016

Por Correio 24 Horas - Estudo divulgado nesta segunda-feira (17) pelo Ministério da Saúde revela que o excesso de peso no Brasil cresceu 26,3% nos últimos dez anos, passando de 42,6% em 2006 para 53,8% em 2016. De acordo com a pesquisa Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), o problema é mais comum entre os homens: passou de 47,5% para 57,7% no período. Já entre as mulheres, o índice passou 38,5% para 50,5%. 
Segundo o estudo, Rio Branco é a capital brasileira com maior prevalência de excesso de peso: 60,6 casos para cada 100 mil habitantes. Em seguida estão Campo Grande (58/100 mil habitantes), Recife, João Pessoa e Natal (56,6/100 mil habitantes) e Fortaleza (56,5/100 mil habitantes). Já Palmas é a capital brasileira com a menor prevalência de excesso de peso (47,7/100 mil habitantes).

Como se sair bem logo na primeira tentativa do concurso público?

Foto: Divulgação)
É essencial saber o que se quer e montar um bom plano de estudo. Veja dicas de como enfrentar o primeiro concurso e onde estudar

Por Correio 24 Horas - Escolher o primeiro concurso público é uma iniciativa que pode abrir muitas portas. Por outro lado, decisões tomadas sem cautela podem ser desperdício de tempo, energia e dinheiro. Por isso, o candidato deve saber o que quer, além de traçar um plano de estudos para conquistar o seu cargo. 
De acordo com Claudete Pessôa, diretora pedagógica do Super Professores Cursos Online, o candidato “deve estabelecer uma linha de ação a partir da seleção de concursos que possuem conteúdos semelhantes em seus editais”. Além disso, ela destaca a satisfação pessoal como principal critério a ser considerado.
Quanto ao planejamento, Anderson Silva, professor do Curso Ênfase, diz que há três pontos importantes. “É preciso estar disposto a renunciar a algumas coisas, criar uma rotina que possa ser seguida e ter uma conversa com familiares e amigos sobre essa mudança”. O professor também indica fixar dias, horários e local de estudo para que a rotina seja seguida à risca. 
Decisão
Para Marcos Chaves, recém-formado em Direito, além da perspectiva de trabalhar em sua área, ele diz que também se identificou com a “estabilidade e a possibilidade de morar em outro estado”. Marcos estuda há quatro meses para o concurso da Advocacia-Geral da União (AGU) e almeja cargos como o de advogado-geral, procurador federal e procurador da fazenda. Portanto, ele já sabe quais são as suas prioridades. “A minha rotina é assistir aulas, ler as matérias e informativos e solucionar questões”, diz.
Enquanto Marcos quer sair da Bahia, Claudete chama atenção para o local de atuação. “Muitos fazem concursos para o interior, com a esperança de que seja menos disputado, e quando são nomeados sofrem por estarem longe da família”, diz. Ainda segundo a especialista, isso também deve ser levado em conta na escolha do concurso.
Para quem ainda não definiu em que área deseja atuar, Kelle Catiane, professora do Ímpar Concursos, aconselha “cursos básicos em que matérias comuns à maioria dos concursos sejam privilegiadas”. Segundo ela, “a necessidade de estabilidade profissional faz com que muitos alunos estejam estudando sem saber o que de fato querem”. Portanto, estudar disciplinas e bancas recorrentes se torna um investimento.

Uso de redes sociais no trabalho exige cuidado e bom senso para evitar demissão

(Foto: Agência Brasil/EBC)
Falar mal da empresa, do salário, do chefe ou do colega de trabalho, além de criar um ambiente de conflito e tensão, pode resultar em demissão por justa causa


Por Correio 24 Horas - WhatsApp, Twitter, Facebook, Instagram. É só o celular apitar para logo atiçar a curiosidade de conferir quem falou ou fez o quê. Não à toa, as redes sociais acompanham a rotina das pessoas e dos profissionais quase que 24 horas por dia. Seja para auxiliar o trabalho, seja para postar uma foto com o colega ou um vídeo de comemoração pela chegada da sexta-feira. Mas cuidado: se no dia a dia deve-se ter cautela com o vício nas redes sociais, no ambiente profissional o cuidado deve ser redobrado, principalmente com o que é postado e o tempo gasto.
No trabalho, por mais que não sejam explícitos, existem limites e regras de conduta a serem seguidos quanto ao uso destas ferramentas de interação social. Falar mal da empresa, do salário, do chefe ou de um colega de trabalho, por exemplo, além de criar um ambiente de conflito e tensão, pode resultar em demissão por justa causa.
De acordo com o advogado trabalhista, Vitor Castim, a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) não proíbe ou regulamenta o uso das mídias sociais. No entanto, se a utilização for indevida, prejudicando o desempenho das funções, e se informações confidenciais forem divulgadas, expondo a empresa, o funcionário pode ter o contrato rescindido. “Na legislação trabalhista, não existe especificamente proibição sobre o uso de rede social. Mas, em ambiente de trabalho privado da empresa, o empresário tem a liberdade para instituir se permite ou não“, explica.

Marília Mendonça se apresenta em Portugal oito quilos mais magra

A cantora está na Europa apresentando sua turnê

POR CORREIO 24 HORAS - A cantora Marília Mendonça está oito quilos mais magra. O peso menor se deve à reeducação alimentar que tem feito, além de tratamentos estéticos que tem feito.

"Senti necessidade de fazer isso não só por mim, mas pelo público. Para eu me dar melhor nos shows, para ter mais fôlego", contou a sertaneja ao jornal Extra.
A cantora está em Portugal onde fez show de sua turnê que será apresentada em seguida em Bruxelas e em Londres.
Confira como ela era antes e compare:
Antes e depois da cantora (Foto: Almiro Lopes/CORREIO e Reprodução/Facebook)

Propriedade anticariogênica presente no cacau parece evitar mal causado para a saúde bucal.

Propriedade anticariogênica presente no cacau parece evitar mal causado para a saúde bucal.

POR SAÚDE COM CIÊNCIAPublicado por: 
Que o chocolate é delicioso e possui diversos benefícios para a saúde e bem-estar (sobretudo se for meio amargo ou amargo), todo mundo já sabe. Mas além de todas essas qualidades, ele tem outra propriedade muito importante e curiosa: chocolate amargo é anticariogênico. Isso quer dizer que ele previne o aparecimento de cáries.

Apesar de sua composição conter açúcar (quanto mais amargo menos açúcar), um dos maiores responsáveis pelo desenvolvimento da cárie, o chocolate possui flavonoides benéficos que inibem sua ocorrência.

A substância chamada teobromina, presente em maior quantidade no chocolate com teor de 80% de cacau, elimina o Streptococcus mutans, bactéria encontrada na cavidade oral, que contribui para a cárie dentária.


LEIA MAIS...

A alegria da alma constitui os belos dias da vida...



Que Deus ilumine a nossa Segunda!


Lindas Frases de Amor

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK