PROCURANDO POR ALGO?

sexta-feira, 7 de abril de 2017

5 dicas simples para limpar eletrodomésticos de inox



Itens de inox são lindos, mas podem ficar completamente riscados com o uso e lavagem
Eletrodomésticos e itens de inox se tornaram febre na cozinha e não é para menos: lindos e práticos, o revestimento cromado dá um ar moderno e sofisticado à divisão da casa. Apesar da praticidade, a limpeza do inox requer alguns cuidados especiais, a fim de mantê-lo impecável por um longo tempo.

Luciana Tebar, consultora em limpeza da rede Mary Help, listou ao site ZAP em Casa cinco dicas para limpar o inox.
1. Nunca, jamais utilize esponja de aço nem produtos abrasivos, como amoníacos, saponáceos, desengordurantes, solventes, álcool e cloro;
2. Use pano macio, esponja de nylon ou escova de cerdas macias, contanto que não esfregue com força para não manchar;
3. Use produtos específicos para limpeza de inox ou pano macio embebido em detergente neutro;
4. Após a limpeza, enxágue sempre para não deixar manchas;
5. Solução caseira de limpeza: bicarbonato de sódio dissolvido em álcool de uso doméstico até formar uma pasta, depois enxágue com água morna e seque com pano macio.

Conheça os benefícios de nova técnica para tratamento de varizes



A escleroterapia com espuma é menos invasiva e promete aliviar o desconforto com eficácia
No Brasil, em torno de 40% das população brasileira sofrem com problemas de varizes, em maior ou menor grau. Trata-se de uma doença com incidência bastante frequente, principalmente entre as mulheres – 32 de cada 100 mulheres chegam aos 30 anos com veias escuras e inchadas. A escleroterapia com espuma, uma nova técnica eficaz e bem mais simples que a cirurgia, promete acabar com o desconforto de uma forma menos agressiva.

Com a ajuda de um ultrassom, é injetado um medicamento que forma espuma diretamente no vaso. A substância se expande, gruda nas paredes internas da veia e empurra o sangue para fora. Uma das principais vantagens desta técnica é que pode ser realizada no consultório, sem cortes, internação nem anestesia. “A técnica pode ser indicada tanto como tratamento estético, no caso dos vasinhos, quanto das varizes de grosso calibre, ou seja, para tratar a doença venosa crônica”, comenta Gilberto Narchi Rabahie, cirurgião vascular do HCor.
As veias dilatadas sinalizam que o sangue bombeado para os membros inferiores não está retornando ao coração como deveria. Aos poucos, devido ao acúmulo de sangue nas pernas, o quadro evolui e pode causar complicações sérias, como dores fortes, feridas e, em casos extremos, trombose. Fatores genéticos são importantes fatores desencadeantes, assim como trabalhar por longos períodos em pé ou sentado.
O método, segundo explica Dr. Rabahie, é seguro e pode ser aplicado em pessoas portadoras de doenças crônicas, como hipertensão, diabetes, que já tenham sofrido um infarto ou tenham doenças reumáticas, por exemplo. E a melhor época para recorrer ao tratamento é no inverno. “Os tratamentos disponíveis, geralmente, exigem que os pacientes utilizem meias e evitem a exposição ao sol por, no mínimo, um mês. Isso evita o aparecimento de manchas e hematomas”, diz.
Sintomas e prevenção
O diagnóstico é eminentemente clínico. Ou seja, é imprescindível passar por uma avaliação médica. “A consulta com um médico é importante porque, às vezes, é possível que haja microvarizes ou mesmo varizes em estágio subcutâneo. Cada caso precisa ser verificado com muito cuidado e atenção para evitar agravos à saúde do paciente”, ressalta o cirurgião.
Os sintomas clássicos, como perna pesada, cansada - principalmente ao fim do dia -, edema, inchaço nos tornozelos, entre outros podem ser amenizados com exercícios aeróbicos, como a caminhada, por exemplo. Se aliado a alguns cuidados simples, como elevar as pernas sempre que possível e fazer uso das meias elásticas de compressão, os sintomas podem ser amenizados.

Dia Mundial da Saúde: governo intensifica combate ao Aedes aegypti

Mosquito Aedes aegypti é combatido por
ações do Ministério da SaúdeArquivo/Agência Brasil
No Dia Mundial da Saúde, celebrado hoje (7), o governo federal mobiliza os profissionais da saúde no combate ao mosquito Aedes aegypti. As ações acontecem nas 41.688 Unidades Básicas de Saúde do país, com vistoria para identificar criadouros e orientações à população no combate ao mosquito transmissor da dengue, Zika e chikungunya.

A medida faz parte da campanha Sexta-Feira Sem Mosquito, organizada pelo Ministério da Saúde, em parceria com os conselhos nacionais de Secretários de Saúde e de Secretários Municipais de Saúde. A meta é que a população reserve um dia na semana para combater os focos do mosquito, vistoriando casas, ambientes de trabalho e escolas.

Segundo o ministério, medidas simples podem evitar a proliferação do mosquito, como fazer o descarte correto do lixo, tampar depósitos de água e limpar com buchas as laterais e bordas dos vasos de plantas.

Para o ministro da Saúde, Ricardo Barros, a mobilização é questão de hábito. “Se cada cidadão fizer a sua parte, evitando água parada e descoberta em locais que possam servir de criadouros, juntos estaremos realizando um grande mutirão semanal de limpeza em todo o país”, afirmou Barros, em nota.

Queda no número de casos
Segundo o ministério, as ações de combate resultaram na queda do número de casos das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti. Em 2017, até 25 de março, foram notificados 90.281 casos prováveis de dengue em todo o país, uma redução de 90% em relação ao mesmo período de 2016 (947.130). Também houve queda no número de óbitos. A redução foi de 97%, passando de 411 em 2016 para 11 em 2017.

Em relação à chikungunya, a queda do número de casos foi de 73%. Até 11 de março, houve 26.856 casos da doença. No ano passado, foram 101.633 casos, no mesmo período.

Até 25 de março deste ano, o Ministério da Saúde registrou 4.894 casos de Zika em todo o país, uma redução de 97% em relação a 2016 (142.664 casos). A análise da taxa de casos prováveis mostra uma baixa incidência em todas as regiões geográficas até o momento. Em relação às gestantes, foram anotados 727 casos prováveis. Não houve registro de óbitos por Zika em 2017.

Governo propõe salário mínimo de R$ 979 para o próximo ano

 Os ministros do Planejamento, Dyogo Oliveira, e da Fazenda, Henrique Meirelles, durante entrevista coletiva no Palácio do Planalto Valter Campanato/Agência Brasil

O governo propôs salário mínimo de R$ 979 para o próximo ano. O valor consta do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2018, apresentado hoje (7) pelos ministros anunciaram os ministros do Planejamento, Dyogo Oliveira, e da Fazenda, Henrique Meirelles.

Atualmente, o salário mínimo é R$ 937. De acordo com Oliveira, a equipe econômica seguiu a regra atual, que determina a correção do mínimo pela inflação do ano anterior pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e dos serviços produzidos no país) de dois anos anteriores.

Como em 2016 houve contração de 3,6% do PIB, o salário mínimo será corrigido exclusivamente pela variação do IPCA de 2017. Para chegar a estimativa, o governo considerou a estimativa de 4,48% para o IPCA que consta do boletim Focus, pesquisa com mais de 100 instituições financeiras divulgada toda semana pelo Banco Central.

Aumento do déficit
O projeto da LDO aumentou em R$ 50 bilhões, de R$ 79 bilhões para R$ 129 bilhões, a meta de déficit primário (resultado negativo nas contas do governo sem o pagamento dos juros da dívida pública) para 2018. De acordo com os ministros, a nova meta leva em conta a queda de arrecadação decorrente da recessão de 2015 e de 2016, que se manifesta nas receitas do governo com certo tempo de defasagem.

“Em 2018 ainda sofreremos um processo de atraso da resposta na receita. As empresas ainda estarão acumulando muitos créditos fiscais decorrentes de prejuízos anteriores. A recuperação da economia em 2018 não impacta imediatamente na arrecadação. Do lado das receitas ainda teremos em certa medida efeitos da recessão”, disse Oliveira.

De acordo com o ministro do Planejamento, mesmo com crescimento de 2,5% no PIB para o próximo ano, a arrecadação federal ainda vai demorar a recuperar-se. Segundo ele, a partir de 2019, o governo espera uma recomposição da receita, mas ainda sem voltar aos níveis de 2011, quando a receita era dois pontos percentuais do PIB acima do nível atual.

Inca lança vídeos educativos sobre temas ligados à prevenção do câncer

...

Vídeo do Ministério da Saúde alerta para os principais sintomas de dengue, chikungunya e zika. #zikazero #combateaoaedes

O Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca) lançou hoje (7), Dia Mundial da Saúde, quatro vídeos educativos sobre os temas alimentação saudável, atividade física, controle do peso e a relação desses fatores com o câncer. O trabalho resulta de parceria com a Associação Pró-Vita, dedicada à arrecadação de recursos para apoiar hospitais que fazem transplante de medula óssea.

Os vídeos já estão disponíveis no canal do Inca no YouTube e podem ser compartilhados nas redes sociais.

A nutricionista da Unidade Técnica de Alimentação, Nutrição e Câncer do Inca, Luciana Grucci Maya, destacou que existe forte relação entre hábitos alimentares e o câncer. “Através desses vídeos, a gente está buscando mostrar essa informação para a população com grande alcance, porque atualmente o vídeo é um meio de comunicação muito usado entre a população, e com informação de qualidade, segura, e uma linguagem popular e simples, de fácil entendimento por todo mundo”, disse Luciana.

De forma geral, a população não reconhece que o câncer, em alguns casos, é uma doença prevenível por meio da alimentação, da prática de atividade física e da manutenção do peso corporal adequado, avaliou a nutricionista.

Alimentação saudável
Segundo a nutricionista, não existe alimento milagroso capaz de prevenir o câncer. Mas é importante que as pessoas procurem ter uma alimentação saudável, que pode ser traduzida por alimentos in natura, minimamente processados. Segundo ela, também é importante resgatar o hábito de cozinhar os alimentos e preparar as refeições em casa, priorizar alimentos regionais, de cada época e, principalmente, diminuir o consumo dos alimentos ultraprocessados, que são aqueles prontos para aquecer e consumir.

“As pessoas estão passando a consumir em maior quantidade os alimentos ultraprocessados, em detrimento da alimentação saudável, que é a comida de verdade, feita em casa, com alimentos frescos, usando legumes e verduras, cereais. Você pode comer uma lasanha, mas vamos prepará-la em casa, incrementando com alguma verdura”, sugeriu.
Luciana lembrou que, na semana passada, o Inca lançou um primeiro vídeo de animação, com o tema “A saúde está na mesa”, visando discutir a relação entre obesidade infantil e câncer.

O coordenador da Associação Pró-Vita, Artur Santos, destacou que o tema alimentação saudável é muito importante. “As escolhas que fazemos na nossa alimentação podem evitar o surgimento de diversos tipos de câncer. Com a produção destes vídeos, a ideia é fomentar mais debate e levar informação de qualidade sobre o tema nutrição”, disse.

De acordo com o Inca, o alerta vale para toda a população e, em especial, para quem tem vida sedentária e histórico de câncer na família.

Dia Mundial da Saúde - Viva o melhor da vida

O Dia Mundial da Saúde é comemorado no dia 7 de abril, mas devemos cuidar de nosso corpo (e mente) todos os dias. Cuide-se sempre e alimente-se bem para viver com mais qualidade. Invista em uma vida saudável!

FRASES DE SAÚDE

Saúde é o ponto principal do nosso corpo, sem ela somos incapazes de fazer qualquer coisa, por isso, valorize-a, cuide-a porque sem saúde não somos absolutamente nada!

FONTE: Mensagens de Amor

Qual é a primeira coisa que os homens reparam em uma mulher?

Por O Loxa - 
Peito ou bunda, certo? Há quem diga que os dois são preferências masculinas e, de primeira, chamam a atenção de qualquer marmanjo. Eu até concordaria com você, até que a equipe do Manual do Homem Moderno fazerem perguntas para os seguidores de sua fanpage no Facebook.
Foram duas surpresas. A primeira foi a maturidade, sinceridade e bons argumentos usados por nossos seguidores em suas respostas. A segunda, foi que a bunda e o peito ficaram fora da maioria das respostas.
Confira agora algumas das melhores respostas para “Qual é a primeira coisa que os homens reparam em uma mulher”?

Cerveja após exercícios hidrata como a água

POR SAÚDE COM CIÊNCIA
Publicado por: 
À primeira vista as pessoas que adoram beber cerveja irão adorar essa notícia. Beber cerveja após a prática de exercícios físicos hidrata o corpo tanto quanto a água. Contudo, isso só é verdade se o consumo da cerveja for moderado. Isso porque o álcool tem o poder de desidratar o organismo, e a cerveja contém álcool. Leia matéria abaixo.

O consumo moderado de cerveja após a prática de exercício físico intenso hidrata na mesma medida que a água, segundo as conclusões de pesquisa realizada pelo Conselho Superior de Investigações Científicas (CSIC) em colaboração com a Universidade de Granada, cujo trabalho foi apresentado em Salamanca.

Ademais, os especialistas destacam as propriedades nutricionais da cerveja, mas sempre que mantido seu consumo dentro dos limites aconselhados para bebidas alcoólicas.

Javier Romeo Martín, pesquisador do Instituto do Frio do CSIC e um dos autores desse estudo, explicou em declarações à DiCYT que “a cerveja é uma bebida amplamente aceita na cultura mediterrânea” e que “tem um alto conteúdo de água, sendo assim uma bebida hidratante”. Além disso, a cevada e o lúpulo lhe conferem vitaminas B, minerais e antioxidantes. 

“Parece que o consumo moderado de cerveja pode ser integrado em um conceito de dieta saudável”, sobretudo quando acompanha as refeições e, de fato, a Sociedade Espanhola de Nutrição a incorporou as suas recomendações, indica o especialista.

LEIA MAIS... 

Benefícios do Vinagre


Benefícios do Vinagre

Os benefícios do vinagre para a saúde são muitos: ele reduz o colesterol, controla o diabetes, ajuda a emagrecer e ainda melhora a digestão. Veja o que dizem os estudos científicos sobre o produto. 
Por Receita Natural - O vinagre está presente na casa de quase todas as pessoas, é muito usado como tempero, especialmente para carnes e saladas. Mas seus inúmeros benefícios para a saúde nem sempre são conhecidos. Desde a antiguidade, o vinagre já era usado para limpar feridas e conter as inflamações. Nossos antepassados estavam corretos, pois hoje se sabe que o produto é um antibiótico natural, além de auxiliar na eliminação de toxinas e facilitar o emagrecimento. Segundo a nutróloga Daniela Hueb:
“Ele funciona como se fosse um adstringente e circula rapidamente por todo o corpo, fazendo uma verdadeira limpeza interna e facilitando o trabalho do fígado, que é o filtro do nosso organismo” (Fonte: Revista Corpo a Corpo).

Vinagre é Bom Para os Diabéticos

Várias pesquisas vêm estudando a relação entre o consumo de vinagre e a redução da glicose no organismo. Um estudo publicado na revista Diabetes Care, em 2004 , revelou que a ingestão de duas colheres de sopa de vinagre antes das refeições pode aumentar a sensibilidade à insulina. Quem sofre com o diabetes tem essa sensibilidade reduzida, fazendo com que as moléculas de açúcar não sejam absorvidas pelo organismo.

Redução do Colesterol

Os estudos recentes também indicam que tomar vinagre diariamente ajuda no controle do colesterol. Ele reduz as taxas do colesterol ruim (LDL) e dos triglicerídeos. Outra boa notícia é que o vinagre melhora a digestão, estimulando o metabolismo dos alimentos. De acordo com a nutricionista diz Cinthia Perine:
“Ele estimula a secreção de suco gástrico, facilitando a quebra dos alimentos e a absorção de seus nutrientes. Como consequência, o intestino também é beneficiado”(Fonte: Revista Corpo a Corpo).
Por isso podemos concluir que o consumo de vinagre melhora o funcionamento do intestino, facilitando a eliminação de toxinas e gorduras.

Vinagre Emagrece?

Vinagre
O Vinagre de Maçã é o mais indicado para o emagrecimento
Não é de hoje que se fala no uso do vinagre para perda de peso, mas somente agora existem estudos mais consistentes sobre o efeito emagrecedor da substância. O ácido acético, encontrado no vinagre, é capaz de acelerar a queima de calorias e reduzir a gordura corporal. Um trabalho publicado na revista Bioscience, em 2009, analisou os resultados obtidos por um grupo de 175 pessoas obesas que beberam vinagre diluído em água por 12 semanas. Ao final da pesquisa, eles perderam cerca de 10% da gordura corporal.

Tipos de Vinagre


LEIA MAIS...

Leia Também

Quais São os Benefícios do Vinagre de Maçã

Não seja empurrado por seus problemas.


​​via: mensagens lindas


​via: frase de amor

Que Deus ilumine a nossa Sexta-feira!

Lindas Frases de Amor

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK